segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Discussão de Resultados: Klabin 3T16

KLABIN - KLBN:
No terceiro trimestre as papeleiras foram prejudicas pelo dólar que se manteve em um patamar baixo durante todo o trimestre, pelos menores preços internacionais de celulose e por uma variação cambial negativa, embora pequena, da dívida em dólares. A planta do Projeto Puma (Ortigueira - PR) já está próxima de atingir a operação plena, o que deve ser alcançado no primeiro trimestre de 2017.
Crescimento do EBITDA. Amplie para ver.

A Klabin registrou lucro de 31M no trimestre, as variações cambiais foram negativas em 77M. Apesar do trimestre fraco a geração de caixa manteve a dívida líquida estável, mesmo com a continuidade de investimentos para finalizar o Projeto Puma. A Klabin também anunciou a compra de duas fabricantes pequenas de papel, uma no Amazonas e outra no Paraná.
Crescimento da receita e divisão das receitas por produto

Na minha opinião pessoal, a ação da Klabin não está mais tão barata como antes e esse resultado veio mais fraco do que eu esperava. Não considero a ação como uma compra favorável nesse momento (KLBN4 - 2,94; KLBN11 - 16,49), apesar das enormes vantagens competitivas que a empresa tem no mercado internacional de celulose.

NOTA: MB

A diferença das Units e ações da Klabin:

Existem três ativos emitidos pela Klabin em circulação: KLBN3, KLBN4 e KLBN11. A KLBN3 é a ação ordinária, a KLBN4, a preferêncial e a KLBN11 é uma Unit, ou seja, um combo de ações. A Unit KLBN11 é composta por uma KLBN3 e quatro KLBN4. A Unit existe porque as ações preferenciais saíram de moda nos últimos anos, os investidores estrangeiros não as entendem, então os controladores de várias empresas resolveram lançar Units no mercado para poderem continuar emitindo ações preferenciais.

Qual ação da Klabin comprar? 

Simples, a que tiver o rendimento maior (a menos que você seja um mega investidor e queira assumir uma cadeira no conselho). A KLBN3 e KLBN4 têm rendimentos iguais, porém a KLBN3 quase não tem liquidez e no momento está bem mais cara que a KLBN4. A KLBN11 tem o rendimento equivalente a cinco KLBN4, dessa forma: 1 KLBN11 = 16,49 e 5 KLBN4 = 14,70.  Logo a taxa de dividendos é maior na KLBN4, que atualmente paga cerca de 12% a mais de dividendos em relação ao preço.


domingo, 30 de outubro de 2016

Qual celular comprar?


Na hora de adquirir um celular novo, surgem várias dúvidas de qual o melhor aparelho já que é um gasto relativamente alto. Falo da experiência de ir a algumas lojas e perguntar para o vendedor(a) qual a melhor opção ou qual a diferença de um modelo para outro, obtendo respostas do tipo "sim, esse é melhor que o outro, porque é mais caro" ou respostas como "esse é um modelo mais rápido que o anterior". São informações pouco aprofundadas sobre as especificações dos aparelhos e, em virtude disso, fui atrás de algumas informações que julguei úteis para adquirir meu aparelho. 


Minha primeira pesquisa começou em 2013, pois foi nesse momento que decidi comprar um celular smartphone. Para mim seria importante fazer uma escolha com melhor custo benefício, pois não teria como comprar outro celular em pouco tempo caso o aparelho que comprasse fosse uma porcaria.

Depois de algum tempo pesquisando, consegui resumir algumas características que, ainda hoje, julgo importantes na hora de decidir comprar um determinado modelo ou comparar uma marca pela outra. De modo bem rápido e prático, você poderá fazer uma análise superficial e dizer se um celular oferece as características que você deseja ou procura. Abaixo, não necessariamente na ordem de prioridade, iremos analisar o conjunto CUSTO BENEFÍCIO para a compra de um aparelho novo ou usado:

1) Processador. Verifique a diferença dos processadores de um modelo de sua preferência com outros modelos da concorrência. Normalmente, os modelos optam por processadores mais simplificados até por processadores com maior nível de tecnologia (ex: octa-cores - oito núcleos). O resultado de um para o outro depende do seu uso, porém jogos que exigem mais placa gráfica irão se sair melhor aqueles processadores mais robustos.

2) Velocidade do processador - especificado em GHz. A velocidade é medida através do seu clock em GHz (gigahertz) ou em unidades mais antigas em MHz (megaherts). 

3) Memória RAM. Prefira celulares que sejam a partir de 1 GB, pois abaixo disso irá ter problemas caso goste de instalar muitos aplicativos. Este tipo de memória é aquela que não guarda as informações permanentemente no dispositivo. De modo genérico seria uma memória de curto prazo. 

4) Capacidade interna. Fazendo uma comparação com um computador, seria o HD (hard disk - memória de longo prazo). Nos celulares é utilizado cartão de memória. Verifique se o celular permite expansão da memória interna (modelos mais antigos não vem), pois não terá problemas em guardar vídeos e fotos pessoais.


5) Bateria. Fator muito importante, medida em mAh miliampere-hora (mAh) é uma unidade de carga elétrica que se refere a capacidade de carga que uma bateria armazena. Ou seja, quanto maior melhor. Para vocês terem uma noção, de um mesmo fabricante - Motorola, iremos encontrar as seguintes variações dependendo do modelo. De 2470 mAh, 2800 mAh e 3000 mAh.


6) Resistência da tela. Verifique se o celular possui a tecnologia Gorila Glass, pois é a tecnologia de resistência contra quedas e choques. Acredito que seja uma das características mais importantes, imagina adquirir um celular com um preço elevado e numa primeira queda quebrá-lo em pedaços. 


7) Tamanho da tela. Há pesquisas que mostram que o público prefere telas maiores, por isso, há modelos que evoluíram muito nesse aspecto. Fica complicado de ler alguma notícia ou jogar com tela muito pequena. 

8) Câmera. Celulares que possuem uma câmera fotográfica acima de 8 MP (megapixels) já trazem um resultado satisfatório. Para quem quer um celular como máquina fotográfica é bom investir num aparelho específico para isso. O Megapixel é o valor equivalente a um milhão de pixels que indica a qualidade e o tamanho da imagem.


9) Sistema operacional: Android, IOS (Iphone) e Windows Phone são os mais conhecidos. Não irei comentar sobre cada um, pois é variável dependendo do gosto. Pessoalmente prefiro um sistema operacional mais comum (Android), pois possibilita uma maior quantidade de aplicativos. 



10) Preço. Com certeza o fator preponderante. O que adianta querermos o celular mais top do mercado se não temos condições para comprá-lo? Por isso é interessante adquirir o melhor custo benefício. Como as tecnologias estão cada vez mais avançadas, acredito que seja melhor comprarum celular numa faixa média e trocá-lo futuramente, do que fazer o investimento da década e carregar aquele celular para sempre.

11) Resolução da imagem. Por exemplo 720x1280 pixels é um dos exemplos. Quanto maior a resolução, melhor será a nitidez das imagens.


12) Densidade de pixels. A sigla PPI significa Pixel Per Inch, ou seja, é o número de pixels que seu dispositivo pode conter em uma polegada. É uma informação não muito divulgada, porém com uma pesquisa rápida na internet você poderá verificar. Acabei me informando sobre a densidade de pixels da tela e achei bastante interessante a comparação entre modelos que não são de ponta. Quanto maior o número, ex: 390 ppi comparado com um de 326 ppi, melhor.

É isso pessoal, quis compartilhar um pouco de algumas informações que acho relevante. Com certeza há inúmeras outras características para se levar em consideração, porém vejo que estas são as que mais fazem diferença na hora da escolha. É bom já termos essas informações em mente na hora de adquirir um novo aparelho.

Grande abraço

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Estou endividado, e agora?



Com certeza a situação de estar endividado deve ser evitada, porém acontece. Às vezes consumimos algo ou compramos algum objeto que acaba fugindo do nosso orçamento, ou pior, repentinamente perdermos o emprego. Podemos planejar pagar tantas parcelas que, no final das contas, podem fugir do nosso planejamento inicial.

De certo modo, a desculpa de não conseguir pagar por culpa do salário é a boa e repetida incompetência que as pessoas tem em se planejar. Com certeza, tirando casos excepcionais que são casos de SAÚDE e IMPOSSIBILIDADE DE CONSEGUIR ENTRAR NO MERCADO DE TRABALHO, o resto é puro descontrole. Se fossem só essas duas exceções que comentei, não teriam cerca de 60 milhões de pessoas endividadas.

Vocês já pensaram nesse número, há milhões de pessoas com dívidas! Por exemplo, já é difícil que as pessoas consigam ter a disciplina em ler um livro, ou a paciência em terminar alguma atividade, agora imagina o controle de fatores emocionais como o consumismo? Muitos que converso falam a mesma coisa: não consigo deixar de gastar se tenho o dinheiro na carteira, ou, sempre compro alguma coisa se estiver com o cartão de crédito no shopping.

É realmente interessante como esse fator emocional pode mexer com as pessoas. Por exemplo: você ganha R$ 800,00, qual a dificuldade em poupar 10% desse valor? Beleza, então 5%? Ou o indivíduo que ganha R$ 3000,00, qual a dificuldade em guardar R$ 100 a R$ 200 para emergências? A dificuldade não é o salário em si, a dificuldade está em buscar o auto controle. A regra é que sempre irão surgir imprevistos em nossas vidas. SEMPRE!

A estrada representando nossa vida, o furação representando a
turbulência que teremos que enfrentar (gastos não planejados)

Bom, voltando ao assunto do tópico, já me endividei e agora?

Segundo levantamento da ANEFAC (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade) a taxa pode chegar ao incrível valor de 450% ano ano. Ou seja, se fiquei devendo R$1000 em janeiro, no outro ano minha dívida será cerca de R$ 4500,00.

Podemos tomar diversas medidas para conter o efeito nocivo dos juros sobre juros:

Primeiramente renegociar a dívida e conversar com o gerente, propondo uma parcela fixa a ser paga por mês. Mostrar que está interessado em negociar é melhor do que esperar o pagamento por via judicial.



No caso citado, poderemos rolar a dívida, ou seja, trocar uma dívida por outra. Assim ganhamos tempo, se naquele período em específico não temos dinheiro. Ao trocar uma dívida por outra, podemos diminuir o efeito dos juros compostos, assim é o caso quitar a dívida antiga a vista e contrair outra – com juros menores. Um exemplo de como é a diferença média de cobrança para pessoa física:

Cartão de crédito
14,35%
Cheque especial
10,76%
Empréstimo bancos
4,40%
Empréstimo financeiras
8,05%

Uma possibilidade seria quitar a dívida do cartão de crédito e contrair outra através do próprio banco. Veja só na tabela acima, podemos diminuir de 14% a.m para cerca de 5 % a.m.

E se eu não pagar depois de 5 anos o que acontece?

Você não poderá mais ser cobrado pela instituição financeira, mas milagrosamente seu débito não será esquecido. Não ser cobrado não significa que você estará livre de sofrer consequências desse débito antigo. O prazo para o seu nome ficar sujo no SPC e SERASA é estipulado em 5 anos. Eu, pessoalmente, acho que é um prazo muito longo, já que nesse período ficaríamos preso a dívida antiga.

Algumas consequências disso:

- Impossibilidade de realizar um financiamento imobiliário;
- Não conseguir comprar eletrodomésticos em loja por meio de crediário;
- Ainda, suspensão da entrega de cheques, cheque especial ou qualquer atividade que seja preciso crédito.


Por fim há outro problema, existe a ferramenta denominada SCORE. Ela utilizada dados a fim de verificar casos de inadimplência de grupos de pessoas, fazendo com que instituições e empresas tenham mais segurança nas operações de crédito. Ou seja, hoje, num sistema totalmente interligado, você terá pouca margem para conseguir crédito em seu nome, já que estará dentro daquelas pessoas de risco.

Grande abraço

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Contraindicação: Sistemas de "Marketing Multinível"

O autoproclamado "Marketing Multinível" (MMN) é defendido com extremo afinco pelos seus participantes, se torna praticamente uma seita e utiliza diversas táticas para aumentar a moral de seus participantes, atacam os que se recusam a participar, os taxando de sem iniciativa, mal sucedidos, descompromissados e outros adjetivos pejorativos.
Líder Diamante Negro Quádruplo te chamando para ser uma pessoa de sucesso 
Existem dois tipos de pirâmides, o Esquema Ponzi puro e o Marketing Multinível. O Esquema Ponzi é a simples distribuição de dinheiro dos novos membros da pirâmide para os membros mais antigos, geralmente é camuflado com algum tipo de produto e os membros que conseguirem chamar mais membros ganham algum bônus.
Charles Ponzi
O Esquema Ponzi tem seu nome em "homenagem" a Charles Ponzi, vigarista italiano que criou, em 1920, um sistema em que ele dizia comprar selos no estrangeiro para vendê-los nos States, conseguindo uma margem enorme de lucros, segundo ele. Com esse mascaramento ele dizia dobrar o dinheiro dos trouxas investidores que lhe confiassem o dinheiro deles em apenas 90 dias! Claro que não havia nenhum comércio de selos e o dinheiro dos novos membros era usado para pagar as retiradas dos membros mais antigos no esquema. O mesmo esquema se tornou popular no Brasil nos há dois anos atrás com uma empresa de fachada chamada Telexfree, essa empresa prometia retornos de 30% ao mês com a suposta venda de um Voip (similar ao Skype) inexistente e o trouxa associado só tinha que clicar em alguns links para fingir que fazia algum trabalho, sendo, ainda, recompensado se conseguia atrair mais semi-retardados membros para o esquema. Esse esquema tornou-se muito popular no Norte e Nordeste do Brasil e levou muitos idiotas à bancarrota quando o esquema quebrou.
100% de chances de quebrar
A chance do sistema Ponzi puro quebrar é sempre de 100% e somente cerca de 5% dos membros conseguem ganhar mais dinheiro do que perder. O MMN é diferente do esquema Ponzi puro, porque tem alguma venda de produtos com valor de mercado e pode se sustentar indefinidamente, e, além disso, não promete ganhos mensais fixos para os membros, porém é, ainda assim, nocivo para a maioria dos membros.

A Herbalife, Ares e Hinode são empresas que pertencem ao grupo de MMN em pirâmide. Esse tipo de sistema não é uma fraude por si só, porém os membros novos geralmente saem no prejuízo, porque eles são incentivados a entrar pelas supostas "histórias de sucesso" dos líderes de equipe e têm que comprar uma cota mensal de produtos para revender. Os únicos bem sucedidos desses esquemas são as pessoas que possuem bastante carisma e conseguem fantasiar ganhos fáceis para várias pessoas e conseguir equipes grandes, porque os líderes ganham bônus e parte da cota mensal de membros recrutados vai para eles.

Os produtos tem, no mínimo, uma aceitação ruim no mercado consumidor, porque o foco dessas empresas não é a venda do produto, mas sim a construção de redes de afiliados. Um de meus amigos testou um perfume de uma dessas empresas, o revendedor ofereceu o produto como "semelhante ao Ferrari Black", segundo meu amigo o produto era uma porcaria: aguado e doce.

Típico chamariz das empresas de MMN
Eu contraindico o MMN. Não se deixe enganar pela conversa de líderes que dão churrascos, fazem belas palestras de autoajuda e desfilam com ternos brilhantes em carros adesivados, poucos conseguem ser líderes de equipe e a maioria dos membros vai conseguir apenas montar um armazém em casa com produtos que ninguém tem interesse em comprar.

sábado, 22 de outubro de 2016

Discussão de Resultados: Grendene 3T16

Salve, Confrades! Declaro abertas as discussões de resultados do terceiro trimestre de 2016!

GRENDENE - GRND3:
A Grendene entregou um resultado muito bom, apesar da queda da receita de produtos vendidos e do impacto cambial sobre as exportações, a empresa conseguiu aumentar o lucro por causa do crescimento do resultado financeiro líquido positivo. A empresa reduziu custos e despesas com publicidade, conseguindo manter uma margem bruta consistente mesmo em um cenário desfavorável para o mercado interno e externo. O lucro reportado no trimestre foi de 150M reais.

A Grendene é uma das empresas mais bem administradas e conservadoras de capital aberto, é extremamente transparente em suas divulgações de resultado e não esconde os problemas que a empresa enfrenta. A empresa também se destaca por possuir um enorme caixa líquido e alta eficiência operacional.

O alto caixa líquido mantido pela Grendene é um excelente seguro para tempos de crise, seus rendimentos conseguem manter a rentabilidade da empresa mesmo em situações de crise, como a que passamos por agora.
Evolução do Caixa Líquido da Grendene
A sua maior concorrente é a Alpargatas, que teve uma mudança de controle recentemente. Acredito que a Alpargatas deve tomar estratégias mais agressivas a partir de agora, mas nada que a Grendene não possa superar. 

Na minha opinião, a Grendene é uma boa empresa para se ter em carteira, apesar da ação ter subido muito nos últimos meses ainda é negociada a um P/L de 10, o que considero favorável para uma empresa com excelente administração e líder no setor.

NOTA: MB


O caso da A3NP:

A Grendene fechou a sua Startup A3NP no começo de 2016. A ideia era fabricar móveis de plástico com "design renomado" por um preço acessível, mas a empresa caiu em uma emboscada e foi enganada pelo artista Philippe Starck, que ganhou muito dinheiro com a startup. Os móveis ficaram caríssimos, uma cadeira chegava a custar cerca de 500 reais! Caso encerrado, a Grendene descontinuou a startup e assumiu seus prejuízos, de qualquer jeito seus resultados não mais impactarão os relatórios vindouros.
100% de chances de dar errado
Esse caso mostra que todas as empresas estão suscetíveis a tomar decisões erradas, mas as empresas melhores administradas conseguem contornar as decisões erradas, enquanto as empresas mau administradas insistem no erro e sucumbem.

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Lula aprendeu tudo com os Clinton

Há mais de dez anos já sei que o Lula é criminoso, porém só agora descobri que ele não inventou algumas de suas jogadas, mas, sim, copiou dos Clinton. A ideia de ter uma fundação de caridade para fazer lavagem de dinheiro e se autofinanciar foi copiada dos Clinton, bem como a ideia de realizar "palestras" para lavar dinheiro de propina.
Pois bem, nos States não são as empreiteiras que mais se aproveitam do corporativismo governamental, mas sim os bancos de investimento e hedgefunds, essas instituições são as principais doadoras de campanha do Partido Democrata e lucraram imensamente com as políticas keynesianas do Osama Islamobama, que prejudicaram imensamente o povo americano, que vive vários anos seguidos de estagnação econômica. Há, também, em algumas dessas instituições o objetivo de apoiar interesses escusos que vão contra a civilização ocidental, ou pelo menos o que sobrou dela.

Hillary Clinton nem sempre foi rica, mas acumulou uma pequena fortuna de 200 milhões de dólares dando palestras para empresas amigas do governo e dinheiro suspeito de sua suposta fundação de caridade. Até parece algum político decadente (e que será preso em breve) do Brasil, não é? Foram revelados nas últimas semanas e-mails hackeados do chefe de campanha da Hillary que mostram que a corrupção na fundação Clinton tem escala internacional, a fundação Clintou recebeu 25 milhões de dólares do Qatar e dos sauditas, dois países que a Hillary sabia que apoiavam clandestinamente o Estado Islâmico! Para os que questionam a veracidade das informações divulgas pelo Wikileaks, reflitam: Por que todo o estabilishment quer calar o Assange e o Wikileaks se eles divulgam apenas mentiras? A Hillary sugeriu, inclusive, usar um drone para matar o Assange.
Amplie para ver melhor. Old, but gold.
A mídia de quase todo o mundo critica o Donald Trump por seus comentários maliciosos feitos há vários anos atrás, mas ignora os gravíssimos crimes cometidos pela Hillary. Se aplicassem a mesma regra que eles usam com o Trump em mim, com certeza eu seria condenado à cadeira elétrica, bastaria fazer uma auditoria no grupo de Whatsapp dos meus colegas de trabalho, tem coisa bem pior que grab them by the pussy lá. Na verdade, a Hillary é uma candidata que não deveria nem estar concorrendo, porque ela destruiu 32 mil e-mails de assuntos de estado quando foi intimada a mostrá-los. Além disso, promoveu um enorme massacre na Síria e na Líbia, financiando terroristas para derrubar o Assad e Kaddafi quando ocupou o cargo de Secretária de Estado.

TÁ OK, MAS EM QUE ISSO INFLUENCIA MINHA VIDA?

A vitória da Killary na eleição americana representaria a continuação das políticas do Islamobama para destruir a civilização ocidental, entre elas estão: imposição do politicamente correto, ideologia de gênero, refugiados sunitas, apoio a terroristas, livre imigração, aborto livre, restrições à compra de armas, aumento do estado, diminuição do poder do cidadão, et caetera.

Apesar de não termos poder algum na eleição dos States é importante saber o mínimo para poder, pelo menos, defender as ideias corretas e que ajudariam nossas vidas, ao invés de destruí-las. O Blog do Highlander publicou um excelente post sobre os motivos da estagnação da REAL. Um dos motivos era exatamente a falta de estratégias para deixar de ser dominado e destruir as legislações impostas por governos criminosos ao cidadão. As mesmíssimas legislações que a Killary quer ampliar a nível nacional nos States (e por que não internacional?).

Leia New York no lugar de London

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Filme Star Wars VII



Bom dia a todos, gostaria de recomendar um filme que assisti essa semana - Star Wars Episódio VII: O Despertar da Força. Para quem acompanha a trajetória dos filmes com a marca Star Wars, este é mais uma superprodução de ficção científica. Não sou aficionado na série, mas pesquisei a respeito após ver o filme, verificando que foi a 3ª maior bilheteria da história do cinema - somente atrás do prestigiado Titanic e Avatar. Como pode um filme fazer tanto sucesso?

Incrível ver que um só filme pode alcançar tamanha repercussão, isso é motivado pelos inúmeros aficionados e fãs pela saga de George Lucas. A qualidade do filme realmente é muito boa, para quem possui uma televisão HD, Full HD ou 4K, recomendo ver na melhor qualidade. Acabei vendo em meu notebook e já fiquei impressionado no avanço tecnológico e pela riqueza de detalhes.

Um fato curioso é que o primeiro filme começou com o episódio IV em 1977 e depois foram mais de 30 anos com a sequência da franquia.

Star Wars Episódio IV: Uma Nova Esperança (1977)

Star Wars Episódio V: O Império Contra-Ataca (1980)

Star Wars Episódio VI: O Retorno de Jedi (1983)

Star Wars Episódio I: A Ameaça Fantasma (1999)

Star Wars Episódio II: Ataque dos Clones (2002)

Star Wars Episódio III: A Vingança dos Sith (2005)

Star Wars Episódio VII: O Despertar da Força (2015)

Verifiquem que a sequência número I começou em 1999 e com o avanço da tecnologia, o cineasta, George Lucas, escolheu adiar o início da trilogia para que pudesse realizar as cenas que gostaria com os recursos tecnológicos que iriam ser aperfeiçoados no futuro.


Vamos aos números:

Primeiro filme: O Episódio IV, na época foi a maior bilheteria de todos os tempos, arrecadando US$ 775.398.007 milhões de dólares e ganhando sete prêmios Oscar.

Último filme (sugerido): Com US$ 1,73 bilhão arrecadados mundialmente, permanecendo como a terceira maior bilheteria de todos os tempos.

Pra quem gosta de ficção científica ou aqueles interessados em conhecer um pouco mais sobre essa franquia de grande sucesso vale a pena ver essa superprodução.

Grande abraço

domingo, 16 de outubro de 2016

Defesa Residencial

A invasão residencial é, certamente, um dos crimes mais atrozes que existem. Quando o cidadão é rendido dentro de sua casa nada mais o pertence: seus bens, sua dignidade e seus familiares ficam à disposição dos bandidos.

Esse post é sobre defesa residencial e não sobre submissão à bandidagem (como sugerem os "analistas" do mainstream media). Eu nunca deixaria que um bandido estuprasse minha esposa/filha na minha própria casa e acho que você também não deveria deixar e deveria se preocupar para que isso não aconteça.

Nesse post mostrarei diferentes técnicas que reduzem a chance de ser vítima de uma invasão residencial e aumentam as chances de conseguir parar uma invasão residencial em andamento, satisfazendo o princípio base da defesa residencial explicado no primeiro post da série.

Castelo Almourol em Portugal
Nenhuma fortaleza é intransponível, o mesmo princípio se aplica à sua casa. O objetivo da defesa residencial não é criar uma fortaleza totalmente intransponível, mas, sim, dificultar tanto possíveis invasões que qualquer tentativa efetuada por bandidos não compensaria por causa dos custos (material de demolição, ferramentas, pessoal, etc.), tempo dispendido e possibilidade de captura.

Assim como os castelos, sua casa deve possuir diferentes camadas de defesa. Geralmente, a primeira camada é a cerca ou muro, a segunda camada são as paredes da casa e a terceira camada é o seu quarto ou, para os mais sofisticados, o quarto do pânico.

Esquema de defesa por camadas feito
pelo inovador Microsoft Paint
Primeira camada: é o muro e grades da sua casa, eu prefiro que a frente da casa seja gradeada, pois os bandidos que conseguirem atravessar a primeira camada ainda poderão ser avistados da rua. A primeira camada deve ser alta o bastante para impedir que alguém tente passar por cima e deve possuir algum tipo de obstáculo no topo. Cada tipo de obstáculo tem suas vantagens e defeitos:

Cacos de vidro: deixa sua casa com aparência de bunker pós-apocalíptico e é proibido em algumas cidades. É relativamente fácil de ser passado, mas deixa a casa mais discreta, os bandidos pensarão que quem vive na casa é pobre.

Flechas: mesma coisa dos cacos de vidros, mas deixam a casa com aparência um pouco melhor.

Concertina: meu obstáculo preferido, pena que é proibida em algumas cidades por causa dos legisladores defensores de bandidos. É barata, difícil de ser ultrapassada e extremamente dolorosa para os despreparados.

Cerca elétrica: vai dar um pequeno choque no bandido e disparar um alarme. As principais desvantagens são o preço de instalação e manutenção, quedas de energia (a menos que tenha bateria) e a possibilidade de alarme falso (galhos, gatos, etc.). A vantagem é ser informado logo no momento que a invasão ocorre.

Sensores: É uma cerca elétrica invisível que só dispara alarme. Só vale a pena se você for muito rico e morar em uma mansão com segurança 24/7.

Também é crucial possuir uma porta reforçada com uma boa fechadura na primeira camada e um portão elétrico para o carro. Ter um cão de guarda no quintal também é uma defesa muito boa contra invasões, mas o cachorro deve ser bem treinado, caso contrário pouco adianta.

Segunda Camada: são as paredes externas da casa. Nessa camada as portas devem ser resistentes e as janelas gradeadas ou com algum outro dispositivo que as torne difíceis de transpor. Um alarme e câmeras dentro da casa são uma boa opção, ainda mais se tiver disposto a pagar algum tipo de serviço de monitoramento em tempo real pelo celular.

Terceira Camada: a terceira camada geralmente é o quarto em que você dorme. Ele precisa ter porta e janelas reforçadas. Guarde seus meios de repressão no quarto para que possam ser utilizados em última ocasião. Caso você não disponha de uma arma de fogo, tenha pelo menos um machadinho para ser utilizado em última ocasião, ele multiplica várias vezes sua força, vence com facilidade invasores armados com armas brancas e pode ser arremessado.

Machadinho Dan da Nautika
CUIDADO AO SAIR E ENTRAR EM CASA: a maioria das invasões ocorre desta maneira, por isso deve-se estar com extrema atenção sempre que entrar ou sair da casa. Deve-se verificar se não está sendo seguido ou se há pessoas suspeitas perto da casa ao adentrar, ao sair deve-se verificar o que está acontecendo na rua antes de abrir a porta.

As precauções da segunda e terceira camadas também são válidas para os apartamentos. Você também não deve relaxar a segurança, mesmo morando em um condomínio. Certifique-se que o condomínio em que você mora possui as defesas básicas e os moradores e funcionários tomam as precauções adequadas.

Tomando as precauções necessárias e instalando as defesas adequadas para a sua região a possibilidade de uma invasão residencial bem sucedida contra você diminui muito. Outro aspecto de vital importância é possuir boas relações com seus vizinhos para alertar invasões e para os períodos em que você estiver ausente de sua casa.

Não confie na sorte. Prepare-se. Dificilmente será possível ligar para a polícia em uma situação de invasão residencial.

quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Discussão de Resultados: EZTEC 2T16

Este será o último post de discussão de resultados do segundo trimestre, a partir da divulgação dos resultados do 3T16 começarei a registrar minhas opiniões sobre os últimos resultados divulgados.

EZTEC:
A Eztec é considerada a incorporadora mais bem administrada do país, a companhia trabalha com uma postura bastante conservadora e não se expõe a riscos desnecessários. O último resultado da empresa foi mediano, porém o considero muito bom, tendo em vista situação extremamente difícil pela qual passa o setor. A empresa conseguiu registrar um lucro de 38 milhões no segundo trimestre e é uma das únicas incorporadoras que trabalha com caixa líquido positivo, que era de 170 milhões em julho.

As principais vantagens da Eztec são a administração conservadora e a excelente rentabilidade alcançada com a venda dos imóveis. O modelo de negócios da Eztec é construir pouco, mas construir com excelente rentabilidade, a empresa opera somente na região metropolitana de São Paulo e na Baixada Santista e se especializou somente nessas regiões para alcançar uma rentabilidade maior. A Eztec desenvolve os imóveis desde a compra do terreno até a venda final, por isso, possui um estoque de terrenos bastante valiosos para o desenvolvimento imobiliário nos anos vindouros. O conservadorismo da gestão permite que a empresa tenha mais margem para operar, recentemente a empresa anunciou a locação de parte de dois edifícios valiosíssimos, a torre B do EZ Towers e o EZ Mark, pois como os preços dos imóveis comerciais não estão tão atrativos para a venda, a empresa decidiu permanecer com os imóveis por enquanto e realizar a venda quando as condições estiverem favoráveis.

Na minha opinião, a Eztec poderá ter uma rentabilidade muito boa nos próximos anos se as condições econômicas mínimas forem restauradas no Brasil, a eleição de João Dória para prefeito de São Paulo também melhora as perspectivas de valorização e demanda por imóveis na capital (principalmente os comerciais). Considero a Eztec uma empresa muito boa para se ter em carteira neste momento, porém não recomendo que uma empresa de um setor cíclico, como o de incorporadoras, ocupe uma grande parcela do patrimônio do investidor.

NOTA: MB

EZTEC RI

terça-feira, 11 de outubro de 2016

O SÓCIO


Olá caros leitores!
Ultimamente tenho visto uma série que estou achando bastante interessante. A série chamada O SÓCIO (originalmente The Profit) é um programa voltado para todos aqueles que se interessam por negócios, por empreendedorismo e, principalmente, por tentar entender como salvar uma empresa em dificuldades. Atualmente, passa em canais por assinatura pagos, mais precisamente transmitido no Brasil pelo canal History. Dando uma pesquisada na internet, achei alguns sites que disponibilizam alguns programas da série para quem deseja assistir.


Atualmente já está na 3ª temporada e é protagonizada por Marcus Lemonis, um empresário bilionário que faz acordos com as empresas para salvá-las da falência. Ao chegar a empresa, ele verifica todas as questões envolvidas que prejudicam o crescimento. Pode ser uma rixa entre as pessoas que trabalham lá, desorganização, falta de maquinário adequado e, o mais comum, dívidas impagáveis.


Através de sua análise, ele faz um acordo com o dono da empresa, ajudando financeiramente o estabelecimento. Como não existe almoço grátis, através dessa ajuda ele acorda uma porcentagem na empresa. É daí que surge o nome, O Sócio, já que ele faz uma sociedade com o antigo dono. O acordo varia, pode ser de 20%, 40%, e até de mais da metade da organização. Além disso, ele pede que esteja 100% no controle, ou seja, pode tomar todas as decisões. Isso lhe dá uma liberdade para trabalhar em diversas questões, principalmente trabalhando os 3 "P" - PESSOAS, PROCESSO E PRODUTO - fato que é bastante comentado.


É fascinante como ele consegue agregar valor a empresa em pouco período de tempo, sempre se preocupando com as pessoas envolvidas. Muitos programas mostram desentendimentos entre familiares (irmãos, pai e filho, família) e amigos, fato que é bastante interessante, pois mostra os negócios como realmente são na realidade e as dificuldades para gerenciá-los diariamente.


Vendo diversos programas, modifiquei minha visão sobre diversas questões envolvidas numa organização. Por exemplo, sem os processos adequados, não adianta termos os melhores produtos e as melhores pessoas já que não irá existir fluxo de trabalho eficiente. Do mesmo modo é aplicado para PESSOAS E PRODUTO, não adianta termos os melhores produtos e os processos adequados, sem termos as pessoas qualificadas para fazerem um trabalho específico.


Deixo a dica de programa para quem gosta desse meio de Administração e Finanças ou para aqueles que preferem um programa menos holywoodiano e mais aplicado a realidade.


Alguém conhece mais algum programa interessante nesta área?
Grande abraço

segunda-feira, 10 de outubro de 2016

Defesa Pessoal: Introdução

Caros leitores, como todos sabem, vivemos em um país com altíssimas taxas de criminalidade e são necessárias, no mínimo, precauções básicas para diminuir as probabilidades de participar como vítima em um crime e aumentar as probabilidades de conseguir interromper uma ação criminosa em que a pessoa é vítima. Resumindo, defesa pessoal é a "arte" de diminuir as chances de ser vítima e aumentar as chances de sair bem de um crime se, mesmo assim, for vítima.

Eu era leitor assíduo do Blog Invest and Survive do Victor Fox Sierra até 2014 (quando ele fechou o Blog), ele apresentou um conceito de triangulo de defesa pessoal que eu considero muito útil, não sei quem foi o inventor do conceito, mas explica de forma muito simples quais devem ser as preocupações de um indivíduo com defesa pessoal:
Discrição: é a arte de não chamar a atenção da bandidagem. Não deveis andar na rua com trajes que sinalizem que você tem mais dinheiro que o resto. Deveis evitar andar na rua com o telefone celular em mãos. Não deveis contar quanto ganha, Não deveis ficar posando de "playboy/patricinha" em redes sociais. Deveis tomar cuidado com o que posta em redes sociais e grupos de Whatsapp. Et Caterva. Poderia colocar inúmeros mandamentos exemplificando o que não se deve fazer. Todos podem ser resumidos por: nunca deveis chamar atenção de possíveis criminosos.

Percepção: é a arte de identificar as possíveis ações criminosas antes que elas ocorram para que possam ser evitadas. Dependendo do local em que você mora, é possível identificar possíveis criminosos pelo "kit peba", indivíduos usando boné de aba reta, óculos espelhado, camiseta larga (se for do Flamengo ou do Corinthians a possibilidade de ser criminoso triplica), bermuda de tecido sintético e chinelo ou tênis All Star. Outras ações óbvias seriam evitar locais com alta criminalidade ou consumo de drogas, verificar se está sendo seguido quando chega em casa, verificar quem se aproxima do carro quando está parado no semáforo, sempre prestar atenção no ambiente em que você se encontra, etc.

Meios de Repressão: é o conjunto de meios que a pessoa dispõe para reprimir um crime quando ele é vítima. Esse é o fundamento mais desprezado pelo brasileiro convencional, o cidadão deve, no mínimo, portar uma arma branca e reagir sempre que possível. Ao contrário do que dizem os supostos especialistas em segurança desarmamentistas, deve-se reagir sempre que possível, ou seja, sempre que o criminoso cometer um erro e você calcular que as chances de sua reação ser bem sucedida sejam grandes. Infelizmente, por causa das odiosas leis desarmamentistas brasileiras, é vedado ao cidadão portar armas de fogo, a menos que ele tenha algum cargo público que dá direito ao porte, porém apenas no Rio de Janeiro, o estado mais degenerado da federação, é vedado que o cidadão porte armas brancas. Considero essencial que o indivíduo porte uma arma branca, seja canivete ou punhal, e treine sua utilização. Também é extremamente importante saber uma arte marcial, mesmo assim não se deve andar desarmado, pois um bandidinho com uma faquinha terá grandes chances de lhe cortar se você não possuir, também, uma arma branca.

Faca de pescoço, excelente arma de defesa para o dia-a-dia
Mais uma vez, não acredite nos supostos especialistas que dizem que nunca se deve reagir, isso não passa de uma falácia para proteger bandidos. Se o objetivo dos bandidos fosse apenas levar seu celular ou dinheiro eu, relutantemente, poderia concordar com isso, mas uma vez que você se sujeita completamente a um bandido ele poderá fazer o que quiser com sua vida ou a vida de seus familiares. No livro Preconceito Contra as Armas, que é, diga-se de passagem, excelente, é calculado a probabilidade da vítima ser ferida gravemente em um crime, após a análise de milhares de estatísticas criminais chega-se à conclusão que vítimas que reagem com armas de fogo diminuem as chances de serem feridas gravemente em 66% (essa estatística não conta os inúmeros crimes que foram evitados apenas pela apresentação ou disparo de arma de fogo, sem ferir o criminoso).

Esse é o princípio básico da defesa pessoal, eu continuarei essa série abordando armamentos para defesa e situações específicas de defesa pessoal e o que se deve fazer para aumentar suas chances. Para finalizar, vídeo da bandidagem se dando mal com a reação armada:

domingo, 9 de outubro de 2016

Discussão de Resultados: Brasil Agro 2T16 (4T16 agrícola)

BRASIL AGRO:




A Brasil Agro é uma empresa muito sazonal, além de fazer parte do setor agrícola, a empresa também trabalha com transformação de terras. No último resultado, a companhia registrou um prejuízo de 17 milhões, principalmente em virtude da baixa quantidade de chuvas que diminuiu a produtividade da soja, porque ela não realizou nenhuma venda de terra no último ano.

A Brasil Agro mostrou-se, ao longo dos últimos dez anos, ser bem administrada, ela conseguiu bons resultados com o negócio de transformação de terras, que é a compra de terras improdutivas, obtenção de licenças para a agricultura, estabelecimento das lavouras e posterior venda da terra. O gráfico abaixo mostra os ganhos que a Brasil Agro obteve com a transformação de terras desde 2006:

As atividades de produção agrícola também geram alguns resultados positivos para a empresa e ela se beneficia do potencial agrícola brasileiro e, ultimamente, também tem conseguido bons resultados na sua fazenda no Paraguai. No ano de 2016, particularmente, as atividades agrícolas geraram prejuízo por causa da baixa quantidade de chuvas e baixos preços das commodities agrícolas. A Brasil Agro ingressou na atividade de pecuária bovina em 2016 e também acredito que essa atividade será lucrativa para a companhia. Vale lembrar que a produção agro-pecuária é uma atividade secundária da empresa e que, por enquanto, a principal função dela é rentabilizar as fazendas que estão sendo transformadas.

Na minha opinião, a ação AGRO3 pode ser comprada segundo o princípio de investimento em empresa com ativos ocultos. A principal atividade da empresa é a transformação de terras, atividade em que os lucros demoram anos para serem alcançados, e o portfólio de terras somado ao caixa líquido da empresa valem 70% a mais que o valor de mercado atual. Como a Brasil Agro é um case de investimento especial e pertence a um setor muito volátil, recomendo que o investidor não assuma posições grandes nesse tipo de empresa, porque esse tipo de empresa pode dar um retorno muito bom se o case de investimentos se confirmar, mas pode ficar parada na carteira por vários anos caso o case não se confirme. Cabe ao investidor analisar os prós e contras da empresa.

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Corretagem R$ 2,90

Olá pessoal, estava dando uma olhada nas taxa de corretagem para renda variável em algumas corretoras e uma, especificamente, me chamou a atenção. A Mirae Asset está cobrando um valor muito abaixo do mercado, para vocês terem uma noção:


Uma corretagem de R$ 2,90 para ordens no fracionário e no lote padrão. Há outros custos envolvidos, porém é um diferencial no mercado, pois se reduzirá muito o custo de cada operação. O que acham? Vamos ficar ligados.


Abraço a todos