quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Relatório Mercado x Renda Fixa



O último Boletim Focus - relatório que traz as projeções econômicas pelo Banco Central do Brasil - abordou a queda do produto interno bruto para esse segundo trimestre e uma expectativa de queda da inflação em 2016/2017.

Balança Comercial: De acordo com o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, a balança comercial registrou superávit de US$43,3 bilhões em doze meses até julho de 2016.

PIB: O Produto Interno Bruto recuou 0,6% no segundo trimestre de 2016 ao compararmos com o trimestre anterior segundo dados dessazonalizados pelo IBGE.  (Irei abordar mais para frente o que significa esse termo). A atividade fabril acumula nos últimos doze meses, variação de -9,8% em junho de 2016.

Taxa de desocupação: a taxa de desocupação foi estimada em 11,6. Dados divulgados pelo Ministério do Trabalho mostram fechamento de 1,71 milhão de vagas nos últimos doze meses.

A projeção para inflação fica em torno de 5% para 2017, possibilitando uma queda da taxa de juros que está extremamente elevada.  Ao ver o histórico da taxa de juros brasileira, podemos verificar que houve uma sucessão de aumentos a partir de 2013, chegando, em 2016, a meta de 14,25%. Os títulos públicos que estavam com taxas bastante atraentes no início do ano de 2016, ainda apresentam rentabilidades boas para uma carteira conservadora. Com taxas variando em torno de 6% para o Tesouro IPCA e cerca de 12% para o pós-fixado. Recomendo acompanhar semanalmente a venda dos títulos públicos, pois no dia 30/08/2016, o Tesouro IPCA +Juros Semestrais 2026 estava cotado a taxa de 5,97 % e, hoje, 07/09/2016 - uma semana depois, o mesmo título está com uma taxa de 5,82%.

Expectativa de mercado - Relatório Focus:

Inflação 2016: 7,34 %
Inflação 2017: 5,12 %

Meta Selic 2016: 13,55%                                                                                                 
Meta Selic 2017: 11,00%

Taxa de Câmbio 2016: R$/US$ 3,26
Taxa de Câmbio 2017: R$/US$ 3,45


CONCLUSÃO: A possibilidade de lucrar com a queda da taxa de juros - SELIC - é uma boa oportunidade para compra neste período e posterior venda antecipada dos Títulos Públicos, principalmente aqueles atrelados a inflação.

Relatório de Mercado Focus

Nenhum comentário:

Postar um comentário