quarta-feira, 8 de março de 2017

Discussão de Resultados: Klabin 4T16


A partir desse post começaremos a postar com frequências fixas. Novos posts meus às segundas, quartas e sextas e novos posts do Gregório aos domingos. O próximo post será o ranking de rentabilidade.

KLABIN - KLBN

O fatores que mais mudaram desde o último resultado foram exógenos: a valorização do real e a queda do preço da celulose em dólares. Ambos os fatores prejudicaram a companhia. A fábrica de Ortigueira continua aumentando sua rentabilidade, conforme o esperado.
Ebitda segue crescendo

Ao contrário da Fibria, a Klabin conseguiu manter a lucratividade no quarto trimestre de 2016 e registrou um lucro de 109M. A Klabin também foi duplamente prejudicada pela valorização do real e queda do preço em dólares da celulose, mas, como ela produz produtos de maior valor agregado e tem vendas fortes no mercado interno, esses fatores não foram suficientes para deixar o resultado no vermelho.

A Klabin é a empresa das vantagens competitivas: produz papéis e celulose com altíssima eficiência e consegue alto valor agregado nos papéis especiais, bem como na celulose Fluff. O grande ponto negativo é o alto endividamento que chega a 12 bilhões de reais.
Endividamento continua alto

A Klabin terá ótimas rentabilidades caso os dois fatores que impactam a sua rentabilidade se revertam, caso contrário, ela apenas terá resultados modestos, como esse que acabou de ser divulgado. Em minha opinião, o preço atual já começa a estar vantajoso para compra e não acredito que esses dois fatores sejam perenes.

KLBN11 em 08/03/2017: 15,27


NOTA: B

14 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salve, Mineiro! Não achei MB por causa dos fatores exógenos, se considerasse só a empresa em si seria MB. Concordo quanto a KLBN4, no post do 3T16, inclusive, expressei minha preferência pela KLBN4.

      Sem dúvida é uma excelente empresa, além de fazer celulose de alto valor agregado também tem logística muito boa e a localização geográfica da planta de Ortigueira favorece o plantio de Pinus. Já sou acionista dela há algum tempo e sigo monitorando para comprar mais.

      Abraços!

      Excluir
  2. Conta pra gente o que você está achando da Eternit.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salve, Baiano! O últmimo resultado foi bem ruim. Quando a Eternit divulgar o resultado do 4T16 sdarei uma estudado no resultado e postarei minhas opiniões.

      Abraços!

      Excluir
  3. Fala Marcelo!

    Esta semana também dei uma lida nos resultados da Klabin e em outras pesquisas, cai no seu excelente post sobre o 3T16.

    O endividamento nos últimos 2/3 anos deu uma explodida, mas torçamos que um dos principais motivadores dela (Unidade Puma), faça por merecer..

    Tenho uma exposição pequena na empresa (~2,3% da carteira de ações) e de acordo com minha meta de alocação inicial, deveria chegar aos 5%.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salve, Noob! Espero que nos próximos meses a relação dívida líquida/Ebitda diminua com a Puma a pleno vapor, se o dólar ajudar ficará ainda melhor.

      Abraços!

      Excluir
  4. Meu caro, tirei o comentario pois fiz a leitura e me pareceu uma recomendacao, ok. Nada pessoal. Apenas cautela.
    Verdade, MB posso dizer q foi "modo de falar". Concordo com "B", especialmente pela alavancagem da empresa.
    Abraco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estava muito mais para uma opinião pessoal do que uma recomendação. Não tem problema nenhum expor suas opiniões sobre o mercado, os agentes do mercado seguem há séculos dando recomendações furadas e continuam firmes propagando suas abobrinhas.

      Abraços!

      Excluir
    2. Meu caro,
      Por falar em abobrinha... Posso dar uma sugestao de post?
      Deve ter acompanhado o excesso de noticias sobre a SAPR, tais como "compre sapr agora ou se lamente para sempre". Desde esse noticia (menos de 1 mes)o processo caiu 22% e os analistas agora tentam "arrumar" a noticia... Enfim... Ao menos no curto prazo,nquem operou noticia perdeu mais de 20% do capital, sem contar no custo de oportunidade.
      Minha sugestao de post seria sobre o risco de "operar noticiais"...
      É isso.
      Abraco

      Excluir
    3. Boa sugestão. Fiquei por fora desse frenesi com a Sanepar, porque não acompanho a empresa. Vou colocar na minha lista para futuramente produzir um post.

      Excluir
  5. Agredito no potencial da KLBN11, porém, será um processo lento...tenho ela em minha carteira e no vermelho rsrs..

    Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, será um processo lento de desalavancagem, se o dólar e o preço dos insumos ajudarem poderá dar uma agilizada. Também tenho em carteira.

      Abraços!

      Excluir
  6. KLBN11 foi a minha compra do mês de março... rs!
    Como você disse, o preço atual está num bom nível para quem quer adquirir o papel - e a celulose... (ok, piada infâme)

    Abs,
    50segundos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salve, 50 segundos! Os preços da celulose já voltaram a subir. Vamos aguardar os próximos capítulos.

      Abraços!

      Excluir